segunda-feira, 14 de julho de 2008

Amar

Estou sobrevoando a cidade,vejo tudo,pessoas preocupadas em chegar rápido ao trabalho,pensando no amanhã sem perspectiva,rezando para diminuirem o peso da consciência,rezando por medo de morrer,rezando para que o mundo não acabe,rezam,rezam,rezam mas esquecem do mais importante.......AMAR,isso amar,foi o que Jesus disse para nos,amar o próximo como a ti mesmo e Deus sobre todas as coisas,é tão fácil amar,falo de amor verdadeiro,puro,sem vaidades,sem mágoas,sem dor,sem mesquinharias e muitos sentimentos vazios e tolos.
Por favor amem incondicionalmente,se todos amassem verdadeiramente o mundo não seria assim como é.
Será que você realmente ama,pense reflita no papel que você faz na sociedade podre e vazia,triste que corre atrás do vento,você é a sociedade!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

quarta-feira, 9 de julho de 2008

Nossos tempos!

Dizem que evoluimos,evoluimos em que sentido?Nossa sociedade vive afogada na tristeza de viver,sim, tristeza de viver uma vida curta,sem tempo para apreciar o mundo a nossa volta;Transformamos a vida numa coisa chata,sem graça,vazia que se resume em consumir coisas superfluas sem utilidade,a vida nos obriga o tempo a pensar como ganhar dinheiro mais e mais,nossos filhos cada vez mais sem limites,fazem o que querem,os pais se tornaram idiotas dominados por crianças,por isso toda essa violência,não adianta culpar somente o Estado pelo problema da violência,nos somos os grandes culpados,quando você deixa de por limites a seu filho você está criando um provavel delinquente que pode vir te matar mais tarde.
A escola é cada vez mais massacrada,massacrada pelos pais,pelo Estado e pelos próprios alunos que por não terem nenhuma educação em casa transformamam a escola num inferno para professores.Querem que a escola de a educação que você pai não deu.
É bom prestarmos atenção pois o mal vem de nosso lar,do nosso interior,não adianta procurar culpados para disfarçarmos nossa fraqueza e ignorância.
Que Deus nos proteja e ilumine para que saiamos desse momento de tristeza e escuridão.