quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Pequenas solidões.



Pequenas solidões, sem razões.
Pouco tem razão.
Muita emoção, pouca ação.
Meus olhos fixos no chão.
Esperando uma resposta.
Só silêncio.
Silêncio que dói.
Silêncio que renova.
Silêncio ecoando no universo.
Silêncio ensurdecedor.
Minha alma se expande sem limite.
Meu corpo não suporta a pressão.
Desperto do sono latente.
Estou eu olhando para o chão.
Sem resposta, sem som.
Sem nada, apenas fé.
Fé no amanhã.
Fé na renovação.
Fé em Deus.
O que me resta é fechar os olhos e sonhar.
Sonhar sem culpa !

Micael A.Andrade

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Emoções e esperança.





Quando o tempo passa as emoções vão se esvaindo.
Menos intensas talvez.
Ausentes algumas vezes.
Éramos felizes e não sabíamos.
Sabíamos sim, éramos jovens.
Cheios de esperança e ingenuidade.
Acreditávamos na amizade.
Não se pensava no futuro.
Cada dia era tudo novo.
As emoções novas nos enchiam de vida.
O tempo passa e tudo muda.
A vida perde um pouco a cor.
Se você quer se enganar tudo bem.
A fantasia nos faz suportar a vida.
Prefiro a franqueza da realidade.
Tento conservar mais emoções.
Para não apagar a chama da vida.
Emocione-se.
Tenha esperança quando tudo te diz não.
Acredite na amizade mesmo que sofra depois.
Afinal amigos são renováveis.
Fantasie um pouco, parte da sua vida é ilusão.
Criamos a vida.
Somos aquilo que pensamos ser.
Nem sempre somos o que pensamos ser.
Somos mais um.
Tentamos ser diferentes.
Somos todos iguais.
O que muda é o quanto ainda se emociona.
O quanto tem esperança.
Esperança é esperar.
E esperar ás vezes cansa.
Mas a vida não para.
Porque esperar?
Na verdade temos a eternidade.
E as emoções combustíveis da vida!

Micael A. Andrade

Amadurecer.





Não importa o que aconteça, será sempre passado! Não sofra por ontem viva o hoje e faça um futuro melhor, os fracos se entregam e os fortes aprendem e amadurecem!!

terça-feira, 9 de agosto de 2011

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Espera.



Triste caminhar, triste pensar.
Triste estar só em meio ás pessoas.
Triste viver.
Cada dia uma luta, uma labuta.
Cada suspiro uma dor sem explicação.
Em cada um vejo desconfiança.
Tenho fé em Deus.
Mas nas pessoas perdi.
Vivo cansado de usar máscaras a todo tempo.
Sou  menino preso ao corpo de homem.
Sou alma livre em mundo de cegos.
Quanta tolice a minha volta.
Quanto mal querer, se quero o bem querer.
Cansado de falsidades e mentiras.
Cansado de estupidez gratuita.
Sempre correndo atrás do vento.
Minha felicidade mora em outro lugar.
Um dia lá estarei.
E talvez poderei ser feliz plenamente.
Por enquanto agradeço pelo que tenho.
Agradeço por aqui estar para aprender.
Aqui estou por que sou falho e quero melhorar.
Estou aqui para viver  e vida é feita de emoções!
Momentos, sentimentos, decepções, felicidades e sorrisos.
Calma coração, agüente mais um pouco.
Tudo passará e eu me encontrarei novamente.

Micael A. Andrade