terça-feira, 12 de maio de 2015

Sentido da vida.



Qual o sentido da vida?
Sempre em frente!
Caminhe, corra, rasteje, role, mas não pare!
Vença os obstáculos.
Colha as flores no caminho.
Limpe as feridas das frias pedras a ti jogadas.
Guarde-as.
As pedras servirão de alicerce
para seu castelo de sonhos.
Sigo sua jornada.
Do seu jeito.
No seu ritmo.
Afinal a vida é sua.
E só você pode vive-la.
Se errar, pare e reflita.
Não se culpe, aprenda.
Se cansar sente e contemple o horizonte.
Apenas grandes pessoas conseguem olhar para cima.
A luz vem das alturas!
Seu caminho pode estar repleto de espinhos.
Levite.
A alma é leve.
Pessoas são placas ao longo da caminhada.
Alguns são Pare, pois bem
não pare.
Alguns são sentidos obrigatórios
Nada é obrigatório.
Obrigado.
Se for obrigado não foi real.
A liberdade é uma ingrata.
Torna-te feliz, mas responsável a cada passo dado.
Passo firme, passo largo, passo curto, passo cambaleante.
Liberdade é pra poucos.
Viva a sua jornada.
Viva sua vida.
No final tu levas o que aprendeu.
O que guardou de tesouros do mundo nada lhe servirá!








Nenhum comentário: