segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Instinto e raciocínio.




Arde em minha alma o inconformismo.
Se conformar?
Por quê?
Somos ovelhas?
Somos doutrinados!
Basta!
Paremos de sermos um.
Somos parecidos, porém não iguais!
Temos vida, única.
Cada vivência uma história.
Cada história, um viver diferente.
Porque ser igual?
Somos pensantes.
Pensar antes de agir.
Temos raciocínio.
Não instinto.
Instinto é padrão.
Raciocínio evolução.
Porque aceitar ser sempre igual?
Deus nos trás a este mundo para vivermos.
Não para sermos doutrinados.
Despertem do transe.
Deus te quer pensando.
Se não crer em Deus, pois bem, creia no seu raciocínio.

Tenha fé sim, mas não deixe de pensar.
Nenhum ser deste mundo está além de você.
Ninguém é porta voz de Deus.
Deus está em nós!
Deus está em tudo.
Ouça seus sussurros!
Deus não grita Deus não é mágico.
Tudo acontece espontaneamente.
Deus apenas propicia caminhos, que você escolhe.
Acreditando ou não!
Não grite, não lamente.
Apenas viva.
Cada instante forma sua alma.
Cada pensamento forja seu espírito.
Seus desejos te confrontam.
A maioria das pessoas são doutrinadas.
Porque temem seus desejos, são fracos diante do instinto.
Instinto é animal.
Vem da carne.
O espírito conflitante.
Dominantes desejos.
Dominantes pensamentos.
Quando o instinto morrer.
Seremos superiores.
O raciocínio vence.
Evoluímos.
Ascendemos a algo superior.
Que neste instante, parece distante.
Na verdade estamos no limiar.
Propensos a evoluir.
Só precisamos parar de doutrinar.
Comecemos a pensar e amar.

Micael.

6 comentários:

Marco disse...

o raciocínio é um dom que muitos não usam.

Juan Dias disse...

Muito legal o texto

Zetrusk disse...

Muito bom, parabéns! O raciocínio nos leva a evolução, os instintos nos levam para o padrão!

Zetrusk disse...

Outra coisa: Quem age por instintos é basicamente um sedentário em pensamentos, já quem age por raciocínio é esperto e eficaz. Estou aguardando novos textos seus!

Pedro Henrique Prado disse...

Pense antes de agir e fazer alguma idiotice. Legal o texto.

Epifânico disse...

As vezes seguir os instintos é uma forma natural e eficiente de fugir das doutrinas