domingo, 19 de setembro de 2010

Livro das sombras.


Entro em uma mercearia,as portas estão semi abertas.
Um silêncio que incomoda lá dentro,entro com o coração acelerado.
Minhas estão trêmulas,de pavor e fome!
Começo a encher uma sacola com suprimentos e vou comendo um pedaço de chocolate.
Consigo achar água,nossa como é bom beber água!
O som do líquido na minha garganta é como valsa!
Derrepente o silêncio é quebrado,adrenalina jorra pelo meu corpo.
Estado de alerta,será aquelas criaturaS?
Vou saindo lentamente para não fazer barulho.
...... Ouço passos lentos e decididos a me devorar.
Estou com o facão em punhos,quando surgi um corpo em busca de carne fresca.
Ele agarra meu braço e emite sons grotescos e aterrorizantes,por extinto o facão é erguido ao ar e desce como uma guilhotina!
Sua cabeça é decepada e saio correndo deixando metade da comida.
Estou na rua desnorteado,onde se refugiar?
Ando pelas ruas como um rato,pelas beiradas,me esgueirando.
Meu corpo dói,meus braços estão dormentes e estou tonto!
Alguns minutos depois encontro um carro,está com a chave no contato.
Tento dar partida e por sorte ele ligou,sai em disparada!
Andei por trinta minutos e para meu espanto e horror vi tal paisagem aterradora!
Pessoas, muitas pessoas cambaleando  e se atacando,se devorando!
A cena é terrível,uma carnificina sem precedentes!
Ao longe ouço o som de um veículo,sim um veículo salta dentre os carniceiros
e começa a atirar loucamente,esmagando os corpos com suas rodas gigantes!
Dois homens estão na pick up e parecem brincar,se divertir!
Loucura!!
Então saio de marcha ré para não ser visto.
Será o fim?
Onde está Deus? Me pergunto!
Será que sobreviverei,penso até em suicídio.
.................
Continua!

Nenhum comentário: